• Eliane Silva

Você conhece o termo “Quebrando o teto de vidro” e a que ele se refere?

Se é um termo desconhecido para você, vem comigo que é sobre isso que vamos falar hoje.




O “teto de vidro” ou “glass ceiling” é um termo usado no ambiente corporativo para definir um fenômeno social que a partir de barreiras culturais organizacionais, familiares e individuais, dificulta o acesso das mulheres a posições de liderança, principalmente aos mais altos níveis na hierarquia organizacional.


E como isso tem impactado as mulheres com cargos de gestão no Brasil?

Difícil abordar este tema sem tender para um viés político, mas vamos lá. Os principais fatores formadores do teto de vidro são o preconceito, discriminação, diversidade, equilíbrio entre trabalho e vida pessoal, baixa autoconfiança, estrutura e cultura organizacional, não flexibilização de horários, estilos de liderança, ausência de respeito, apoio e autoridade e ausência de políticas empresariais de inclusão.


Segundo estudos e pesquisas recentes, as mulheres em cargos de gestão e com a pretensão de romper o teto de vidro, devem adotar algumas ações estratégias: educação e instrução na base familiar, mudança cultural e social, qualificação profissional, estilo de liderança adequado ao grupo, autoconfiança sobre suas capacidades e a busca por desafios.


Os fatores que formam o teto de vidro estão impactando diretamente na carreira das mulheres gestoras no Brasil, a partir de condições desfavoráveis provindas da sociedade e das empresas. A estrutura da sociedade brasileira ainda reproduz valores e percepções antiquadas sobre os papéis da mulher e do homem na sociedade e no que tange as suas atuações nos espaços públicos e privados. O que no caso da mulher em posições de liderança tornam-se barreiras difíceis de quebrar, mas possíveis.

Encontrei estudos que apontam também, ainda sobre o tema, que não somente as mulheres são atingidas por este fenômeno, mas toda uma minoria que se encontra em posições hierárquicas mais elevadas.


E você, o que pensa sobre o assunto? Comenta aqui embaixo e marca aquela sua amiga que pode estar nessa situação sem nem se dar conta.


#tetodevidro #quebrandootetodevidro #minorias #mentoria #elianemariamentoria

3 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo